Feira e-cêntrica recebe inscrições para oficinas e cursos gratuitos até 22 de janeiro

Estímulo à leitura, escrita criativa, qualificação de novos autores, circulação. Toda a cadeia produtiva gráfica e literária está representada na programação da feira e-cêntrica, que recebe inscrições para oficinas e cursos gratuitos até 22 de janeiro pelo site www.negalilu.com.br. Realizada pela Nega Lilu Editora e pela Casa da Cultura Digital, nos dias 3 e 4 de fevereiro, na Vila Cultural Cora Coralina, em Goiânia, o projeto é uma ação que apoia a inovação no mercado literário e gráfico. Apoio: Lei Municipal de Incentivo à Cultura.

A coordenação da feira e-cêntrica, que tem curadoria de Larissa Mundim (Nega Lilu Editora) e da artista visual Sophia Pinheiro, prevê a participação de mais de 50 expositores de todo o país, com presença majoritária de autores independentes, coletivos criativos, pequenas editoras e artistas gráficos de Goiás e do Distrito Federal. No sábado, a exposição de livros, zines, HQs, artes gráficas e periódicos culturais ocorrerá entre 15h e 21h e, no domingo, de 14h às 20h, na Vila Cultural Cora Coralina, local onde todas as atividades de formação também estão concentradas.

Os trabalhos se iniciam com a Oficina literária para jovens: estímulos para leitura e escrita criativa, no sábado (3/2), às 9 horas, com a pesquisadora e escritora Micheline Lage (GO). A atividade busca despertar e fortalecer o interesse pela leitura e pela escrita criativa a partir de linguagens artísticas diversas, como a música, as fotografia.

A autopublicação é a essência da Oficina de zine, marcada para o sábado (3/2), às 9 horas, com a artista visual Beatriz Perini (GO). Para além da produção de conteúdo gráfico e literário, a atividade apresenta maneiras criativas e autônomas de difusão de ideias. Os zines são os antigos fanzines, publicações produzidas com baixo custo, pequena tiragem e grande potencial de comunicação.

Para editoras e para pessoas interessadas em publicar livros, o curso de 6 horas/aula sobre Projeto Editorial será ministrado, das 14h às 17h, em dois dias, pelo coordenador editorial da Lote 42, João Varella (SP). A partir de sua experiência, o escritor e editor compartilha conhecimentos sobre o processo de criação do livro: desde a avaliação de originais até o acompanhamento da produção gráfica, discutindo inclusive os desafios de circulação.

João Varella conduz o curso Projeto Editorial dedicado à troca de experiência entre nanoeditoras.

A escritora gaúcha Angélica Freitas conduz o laboratório poético, no sábado e no domingo, entre 14h e 17h. A proposta é compartilhar estratégias para criar um espaço de experimentação, com prática de escrita. “Poesia é uma coisa meio misteriosa: a gente nunca sabe quando vai escrever um poema. Um verso pode aparecer no meio do trânsito, numa reunião de trabalho, quando estamos tomando um sorvete na praia. Capturar esse verso e dar continuidade ao poema é uma das tarefas de poetas”, comenta ela.

Angélica Freitas tem viajado por todo o Brasil com seu laboratório poético desde ano passado.

Inclusão social
“Além das letras − o poder das leituras afetivas e partilhadas” é o título do bate-papo que será conduzido pela escritora Alessandra Roscoe (DF), às 14 horas. Para educadores, leitores, contadores de histórias e público em geral, ela traz a experiência do Festival Itinerante de Leitura – Uniduniler todas as letras que, em 2016, foi reconhecido pelo Cerlalc /Unesco como uma das melhores práticas de incentivo à leitura para a primeira infância na América Latina e Caribe. Quem estiver presente neste bate-papo também conhecerá os impactos do projeto no dia a dia da população encarcerada, idosos, pessoas com deficiências, hospitalizadas ou em situação de vulnerabilidade social.

O Mulherio das Letras, mobilização nacional para ampliação e fortalecimento da participação da mulher na cadeia produtiva livreira, tem reunião regional marcada para o sábado (3/2), às 16 horas, com participação de escritoras, ilustradoras, editoras e outras realizadoras de Goiás e do Distrito Federal. O movimento criado pela escritora Maria Valéria Rezende (PB) se prepara para o segundo encontro nacional e a reunião marcada durante a feira e-cêntrica tem como objetivo organizar a representação do Centro-Oeste nas discussões comuns em todo o Brasil.

A atuação da mulher na cadeia produtiva literária é o assunto que abre o debate que será conduzido, às 18 horas, pela professora da UnB, Regina Dalcastagnè, autora da pesquisa que embasa a maioria dos estudos de gênero e literatura no Brasil. Também participam da roda de conversa as pesquisadoras Maria Clara Dunck (Leia Mulheres) e Carol Piva (Mulherio das Letras GO), além da escritora Angélica Freitas.

Ao final do primeiro dia de trabalho, a feira e-cêntrica promove três lançamentos, a partir das 21 horas, na Livraria Palavrear, no Setor Universitário. A quadrinista LoveLove6 (DF) lança o livro “Gastrite nervosa” (Coleção Des. Gráfica), juntamente com Rosângela Vieira (“O indizível sentido do amor”, Editora Patuá) e Angélica Freitas, que lança segunda edição do badalado “Um útero é do tamanho de um punho”, pela Companhia das Letras.

Domingo
Além da continuação das atividades do Laboratório Poético e do curso Projeto Editorial, a feira e-cêntrica realiza, no domingo (4/2), o bate-papo “Estratégias alternativas de circulação da produção gráfica e literária independente”, roda de conversa conduzida pela escritora e editora Larissa Mundim (Portal e-cêntrica), com participação do produtor cultural e escritor Márcio Júnior (MMarte Produções), o fundador da Banca Tatuí (SP), João Varella (Lote 42 Editora) e o livreiro Wilson Rocha (Palavrear).

Tatiana Nascimento lança “lundu,” e participa do Sarau das Minas GO.

Para o encerramento de intensas atividades, a segunda rodada de lançamentos reúne as poetas Luiza Romão, que traz o seu “Sangria”, e Tatiana Nascimento que autografa “lundu,”. As duas confirmaram participação especial no Sarau das Minas GO, coordenado ela atriz e escritora Carol Schmid, a partir das 19 horas. O palco e o microfone estarão abertos para a expressão artística de mulheres, os homens são convidados como plateia.

SERVIÇO
Inscrição para oficinas e cursos: até 22 de janeiro – www.negalilu.com.br

Feira e-cêntrica: 3 e 4 de fevereiro 2018 (sábado e domingo)
Vila Cultural Cora Coralina, atrás do Teatro Goiânia, em Goiânia
ENTRADA FRANCA

 

PROGRAMAÇÃO

3 de fevereiro (sábado)

9h às 12h – Oficina literária para jovens: estímulos para leitura e escrita criativa, com Micheline Lage. Vagas: 20

9h às 12h – Oficina de zine, com Beatriz Perini. Vagas: 20

14h às 17h – Laboratório poético, com Angélica Freitas. Vagas: 20

14h às 17h – Curso Editoração, com João Varella (Lote 42 Editora). Vagas: 20

14h às 16h – Bate-papo: “Além das letras − o poder das leituras afetivas e partilhadas”, condução de Alessandra Roscoe sobre o Festival Itinerante de Leitura – Uniduniler todas as letras

15h às 21h – Feira e-cêntrica: livros especiais, zines, HQs, artes gráficas

16h às 18h – Mulherio das Letras 2018: reunião de pré-produção do encontro regional (Centro-Oeste)

18h – Bate-papo: “A atuação da mulher na cadeia produtiva literária”, condução de Regina Dalcastagnè (UnB), com participação de Leia Mulheres (Maria Clara Dunck), Mulherio das Letras e Angélica Freitas

21h – Lançamentos: “Um útero é do tamanho de um punho” (Angélica Freitas – Cia. das Letras), “Gastrite Nervosa” (LoveLove6 – Coleção Des.Gráfica) e “O indizível sentido do amor” (Rosângela Vieira – Patuá)

4 de fevereiro (domingo)

14h às 17h – Laboratório poético, com Angélica Freitas. Vagas: 20

14h às 17h – Projeto Editorial, com João Varella (Lote 42 Editora). Vagas: 20

14h às 20h – Feira e-cêntrica: livros especiais, zines, HQs, artes gráficas

17h – Bate-papo: “Estratégias alternativas de circulação da produção gráfica e literária independente”, condução de Larissa Mundim (Portal e-cêntrica), com participação de Márcio Júnior (MMarte Produções), João Varella (Banca Tatuí-SP) e Wilson Rocha (Livraria Palavrear)

18h30 – Lançamentos: “Sangria” (Luiza Romão) e “lundu,” (Tatiana Nascimento – Padê Editorial)

19h às 21h – Sarau das Minas GO, com participação especial de Luiza Romão e Tatiana Nascimento. Coordenação: Carol Schmid

Comentar

Comentários (0)

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será revelado. Os campos obrigatórios estão marcados com *