faz rs

Comentar

Narrativas curtíssimas escritas por Larissa Mundim e ilustradas pela artista Sophia Pinheiro que conversam com o leitor de forma confidencial, íntima. Um convite a uma leitura com sorriso nos lábios. Textos publicados originalemente na web, que, em formato físico, ainda podem ser compartilhados, como uma experiência oferecida ao leitor. Para isso, no miolo do livro as páginas estão divididas ao meio por um corte serrilhado, bem como capa, contracapa e orelhas. Se o leitor atender ao impulso de destaque da página, para compartilhamento, o livro cumpre seu ideal.

O projeto gráfico estimula inclusive a adesão daqueles que tratam seus livros como objetos intocáveis. No caso de faz rs, o ato de arrancar uma página sugere um exercício de desapego sem perda: a maioria dos textos tem sua impressão duplicada (nas duas metades separadas pelo picote) para que, com todas as páginas do livro arrancadas, o leitor ainda detenha para si o conteúdo, num impresso que passa a ter formato bolso.

Comentar