Sem Palavras

5.00 de 5 baseado em 1 avaliação de clientes
(1 avaliação de cliente)

R$40,00

Um romance literário de ficção que tem como fio condutor a concepção processual de um conto que é escrito a quatro mãos com fundamentação positivista – a experiência como método. Começa assim o envolvimento de Laura Passing (Nega) e Brisa Marin (Lilu), numa relação fluida, em busca de plenitude, que se desloca e transborda, marcada pela urgência e pela fragilidade dos encontros na chamada pós-modernidade. Inspirado na cultura e na arquitetura do ciberespaço, a obra se constrói a partir da correspondência, por email e chats, entre as personagens.

10 em estoque (pode ser encomendado)

Descrição

Dimensão: 32 X 22 cm
Páginas: 320
Editora: Nega Lilu

As autoras

Larissa Mundim é autora dos romances literários de ficção Agora eu te amo (2014) e Sem Palavras (2013) e da biografia Operação Kamikaze (2015). Escreve o blog Nega Lilu (www.negalilu.blogspot.com), desde 2011. Jornalista e militante da Cultura e dos Direitos Humanos. Cofundadora da Nega Lilu Cia de Dança. Fundadora do Coletivo e/ou (2014) e do Coletivo Esfinge (2009), grupos atuantes nas Artes Visuais, Artes Cênicas, Audiovisual, Literatura, Design e Comunicação.  Diretora da Casa da Cultura Digital, criada em 2004, com a missão de difundir e fortalecer a cibercultura para o exercício da cidadania.

Valentina Prado é historiadora e autora de Sem Palavras (2013).

 

Comentar

Informação adicional

Depoimentos

“Sem Palavras é atual, atualíssimo. Se move tanto, para todos os lados, fica difícil capturá-lo. Apenas nestes instantes é que ele se cristaliza para se liquefazer no segundo seguinte”. (Consuelo Gobbi, jornalista)

“Meu Deus! Me ocorreu que Sem Palavras é um romance arquetípico das relações atuais e virtuais”. (Cássia Fernandes, escritora)

“Eu definiria Sem Palavras como metalinguístico, enquanto obra de arte que se afirma numa estética estrutural, configurando um objeto de comunicação. Diálogo feminino, fragmentado, reflexivo, tão curioso, que cria um elo mental, que nos faz pensar que estamos realmente participando de uma conversa on-line com as personagens, proporcionando uma expectativa de interatividade a cada post lido.” (Paulo Caetano, diretor de animação).

1 avaliação para Sem Palavras

  1. 5 de 5

    Sem palavras mesmo. História contemporânea e atualizadíssima.

Adicionar uma avaliação

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *